1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

Intel processador fundo

 

Pode-se dizer que a Intel não tem vindo a ter um dos melhores períodos na sua história no que respeita ao fabrico dos seus chips. Do lado da AMD temos a competição direta com os novos processadores Ryzen, enquanto que do lado da Apple temos o facto que a empresa deixou de usar processadores da Intel para passar a adotar os seus chips ARM dedicados.

 

No entanto, a empresa parece ter agora alguns planos para o futuro. De acordo com o CEO da Intel, Pat Gelsinger, esta encontra-se a definir uma estratégia conhecida como IDM 2.0, onde se inclui o investimento de 20 mil milhões de dólares para a construção de uma nova fábrica no Arizona, juntamente com o lançamento da nova linha de chips em 7nm da empresa para computadores e ainda a produção de chips personalizados para outras empresa.

 

De acordo com o portal Business Wire, o CEO da empresa revelou que a ideia passa por realizar uma restruturação do negócio da Intel, focando-se em novas tecnologias que tem vindo a ser consideradas fundamentais no mercado. A empresa espera ainda expandir as suas operações não apenas para o desenvolvimento dos seus chips, mas também para produzir chips dedicados para outras empresas.

 

A empresa deixou ainda claro que continua a trabalhar para fornecer os seus chips baseados em 7nm, que são apelidados de Meteor Lake, e que o lançamento deverá ocorrer durante este ano – mas as primeiras unidades devem surgir no mercado apenas em 2023. De relembrar que a produção de chips em 7 nm da Intel tem vindo a ser adiada várias vezes no passado, em parte devido a problemas na produção dos mesmos que atrasam os planos da marca.

 

Outra novidades que a empresa deixou seria da produção de chips para terceiros. Basicamente, com esta medida a Intel iria começar a permitir a produção de chips dedicados sobre a arquitetura RISC-V e ARM para terceiros – claramente uma medida que a empresa está a aplicar depois da Apple ter deixado de usar processadores da Intel nos seus produtos, passando a adotar os chips dedicados e baseados em ARM.

 

Obviamente, isso não quer dizer que a Intel irá passar a produzir chips ARM da Apple – algo que não se prever vir a acontecer no futuro. No entanto, abre as portas à possibilidade de outros fabricantes usarem a Intel como meio de produzirem os seus chips dedicados e baseados em ARM.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech