1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

boneco do android com malware

 

Uma grande percentagem de utilizadores sabe que programas antivírus são essenciais em qualquer sistema, para garantir a segurança o melhor possível. No entanto, esta segurança não é apenas para computadores fixos e portáteis, sendo que os smartphones também tem vindo a ser um alvo cada vez maior para ataques de malware – e são muitas vezes esquecidos.

 

De acordo com um estudo realizado pela empresa de segurança ESET, cerca de 60% dos utilizadores de smartphones Android não utilizam um software antivírus nos mesmos – ou optam por soluções básicas como o Google Play Protect, que não garante a segurança do sistema e é bastante ineficaz na proteção de dados.

 

Segundo a pesquisa, 15% dos utilizadores referem sentirem-se incompletas se saírem de casa sem o seu smartphone, e 30% afirmam terem medo de ser alvo de ataques de malware durante a utilização do dispositivo. Porém, dentro do mesmo grupo, 60% dos utilizadores referem não possuir qualquer proteção nos seus equipamentos.

 

Este grupo também afirma que utiliza redes Wi-fi públicas de forma ocasional, e uma grande maioria realiza atividades consideradas como privadas a partir das mesmas – como é o caso de acesso a sistemas bancários online. Sem qualquer proteção ou sistemas VPN, o acesso a informações sensíveis a partir de redes publicas é um risco considerável, visto que qualquer outra pessoa na mesma rede pode recolher essa informação para fins maliciosos.

 

Outro ponto abordado na pesquisa encontra-se sobre os métodos de root e jailbreak nos equipamentos. Estes métodos reduzem consideravelmente a segurança dos equipamentos, mas ainda assim 47% dos utilizadores afirmam utilizar os mesmos ativamente, com 72% a ter consciência que a tarefa reduz a segurança do equipamento.

Por fim, 60% dos entrevistados também afirma instalar aplicações sem verificarem as respetivas permissões. As permissões requeridas no momento da instalação de uma app podem, muitas vezes, ajudar a identificar falsas apps antes de serem utilizadas. Caso uma aplicação esteja a requerer mais permissões do que deveria ser suposto, é possível que a utilização das mesmas não seja para fins benéficos do utilizador.

 

Como sempre, é recomendado que se instale uma solução de segurança nos equipamentos, estando disponíveis na Play Store diversas soluções antivírus de empresas reconhecidas no mercado – e que garantem o mínimo de segurança.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech