1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Apps em smartphone

 

A Apple tem vindo a receber algumas críticas nas últimas semanas devido às suas politicas da App Store, nomeadamente às taxas aplicadas sobre todos os pagamentos feitos em apps dentro da loja – e a forma como a empresa “obriga” a isso – com o caso em maior destaque junto da batalha legal com a Epic Games.

 

Na realidade, os problemas da Apple vão um pouco mais longe do que apenas a taxa dos pagamentos in-app, e nos últimos tempos as criticas tem vindo a surgir também sobre o período de tempo para análise de novas aplicações, e até mesmo ao facto da empresa ter disponibilizado o iOS 14 com apenas 24 horas de antecipação para programadores atualizarem as suas apps a tempo.

 

Agora a empresa pode voltar a ter mais problemas, desta vez com as autoridades da União Europeia. As autoridades europeias encontram-se a desenvolver uma nova legislação que, caso seja aprovada, vai impedir as grandes empresas como a Apple ou Google de fornecerem apps padrão das mesmas nos seus sistemas operativos quando existem alternativas no mercado.

 

De acordo com o portal The Financial Times, um dos exemplos disto mesmo encontra-se sobre o navegador do sistema. Com esta legislação em vigor, tanto a Apple como a Google não poderão fornecer os seus navegadores dedicados – Safari e Chrome – junto com os respetivos sistemas operativos, uma vez que existem alternativas no mercado aos mesmos que os consumidores podem escolher instalar.

 

Com esta medida, existe a possibilidade que muitas das apps pré-instaladas nos dispositivos da União Europeia venham a ser totalmente reformuladas. No caso da Apple isto pode ser ainda mais grave, já que existem várias apps nativas do iOS que existem no mesmo formato sobre outro género de aplicações de terceiros.

Ou seja, caso a legislação seja aprovada, existe uma forte possibilidade que a Apple venha a ser forçada a fornecer os seus iPhones sem um vasto conjunto das apps nativas do sistema – e onde se encontram apps “básicas” do mesmo – como o navegador e leitor de emails.

 

No final, existem duas vertentes que podem ser vistas desta legislação – caso seja aprovada. A primeira será que, realmente, isto vai dar mais controlo aos utilizadores sobre o que pretendem ou não nos seus dispositivos. Mas por outro lado também vai obrigar as empresas a fornecerem os seus equipamentos sem apps que podem ser consideradas o básico para o funcionamento do sistema – e que no final, podem acabar por prejudicar os utilizadores com menos conhecimentos ou que apenas pretendam algo “que funcione”.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech