1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

A Portugal Telecom começou esta semana a testar uma tecnologia que vai permitir guardar o conteúdo de um disco rígido de 200 GB, num servidor remoto, em três minutos. A operadora portuguesa é, depois da Verizon, nos Estados Unidos, a segunda empresa em todo o mundo a realizar testes piloto à 10G GPON (Gigabit Passive Optical Network). Na Europa é a primeira.

A nova tecnologia será quatro vezes mais rápida do que a rede de fibra óptica GPON construída até agora pela PT, que oferece 2,5 gigabites por segundo no downstream e 1,25 gigabits por segundo no upstream.

A 10G GPON oferece velocidades de banda larga de 10 gigabits por segundo em ambas as direcções, upstream e downstream, podendo ser utilizada para suportar oferta de serviços avançados e inovadores a utilizadores residenciais assim como a utilizadores empresariais.

Os testes agora iniciados estão a ser feitos conjuntamente com a Huawei e com a Alcatel-Lucent, que por sua vez mantém uma parceria com os mesmos propósitos com a norte-americana Verizon.

"Como os serviços e os requisitos de largura de banda continuam a evoluir rapidamente, é fundamental continuar a testar e avaliar as mais recentes inovações, o que é o caso da tecnologia 10G GPON simétrica que a Alcatel-Lucent está fornecer para este teste piloto", refere Alfredo Baptista, CTO da Portugal Telecom, num comunicado.
Sapo TEK







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech