1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

hacker no Facebook

 

Um utilizador publicou recentemente na dark web milhões de números de telefone e outras informações pessoais associadas com utilizadores do Facebook, informação essa que se encontra a ser disponibilizada gratuitamente e aparenta ter sido recolhida sobre um ataque em larga escala na plataforma.

 

De acordo com o portal Business Insider, existem mais de 533 milhões de utilizadores do Facebook afetados, em 106 países diferentes. Entre os dados que se encontram disponíveis estão números de telefone, IDs dos seus perfis no Facebook, Nomes completos, localizações, data de nascimento, biografias e, em alguns casos, os emails associados com as contas.

 

As fontes que analisaram o leak revelam que muita da informação presente no mesmo aparenta ser legitima, com muitos dos números de telefone a serem coincidentes com as contas a que se encontram associadas – tendo como base os últimos dígitos que podem ser verificados quando se tenta realizar a recuperação das senhas de acesso aos perfis.

 

Estes dados começaram por ser descobertos inicialmente pelo investigador de segurança Alon Gal, da empresa Hudson Rock. Segundo o mesmo, a base de dados possui vários dados privados dos utilizadores, que podem ser usados por cibercriminosos para os mais variados ataques direcionados.

 

países com dados afetados

 

Apesar de o caso apenas ter sido revelado durante o dia de hoje, os dados podem ter sido divulgados faz já alguns meses. Os primeiros indícios existentes de quando estes dados teriam sido divulgados datam de janeiro de 2021, quando um utilizador no mesmo portal da dark web onde estes conteúdos foram agora revelados disponibilizou um bot para aceder a milhares de registos dos utilizadores – em troca de um pequeno pagamento para fornecer esses detalhes.

 

Agora, no entanto, essa mesma informação encontra-se a ser colocada disponível publicamente e sem qualquer custo inerente, acessível por qualquer um.

O investigador responsável pela descoberta alerta ainda para o facto que, devido à base de dados já se encontrar disponível publicamente e sem qualquer custo, existe muito pouco que o Facebook pode fazer para controlar a sua divulgação ou ajudar os utilizadores afetados.

Nenhum comentário.

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech