1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.


Uma empresa norte-americana está a acusar um ex-funcionário de ter roubado cerca de 17 mil seguidores no Twitter do perfil da empresa na rede.


O caso envolve o site noticioso Phonedog e Noah Kravitz, um ex-funcionário e blogger do mesmo. O ex-funcionário estaria encarregue de gerir a conta do Twitter da empresa.

Após ter sido despedido, segundo o New York Times, ambas as partes acordaram que Noah Kravitz poderia continuar a utilizar a conta do Twitter para uso pessoal. O ex-funcionário assim fez, tendo alterado o nome da conta para o seu e ficando assim com os 17 mil seguidores da mesma.


Oito meses depois de ter sido despedido, a empresa decidiu processar o utilizador por ter roubado os seguidores da empresa. A empresa referiu ainda que pretende uma indeminização de 2.50 dólares por cada utilizador do seu perfil, que no momento possui 22 mil, o que totaliza cerca de 370 mil dólares.


Em comunicado a empresa refere que «os custos e recursos investidos pela Phonedog Media para aumentar os seus seguidores, fãs e a criar uma marca através dos Media sociais foram substanciais e são considerados propriedade da Phonedog Media», sublinhando ainda que «pretendemos proteger agressivamente as nossas listas de clientes e a informação confidencial, propriedade intelectual, marca registada e marca».





Comentário antigo:
"ambas as partes acordaram que Noah Kravitz poderia continuar a utilizar a conta do Twitter para uso pessoal". Cheira-me é que esta empresa ainda vai mas é ter que pagar um indemnização ao seu ex funcionário, se concordou que este poderia continuar a utilizar a conta e depois processa-o...Humm...




Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech