1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

Windows teclado

 

A Google revelou recentemente uma vulnerabilidade existente no Flash e no Windows, a qual pode ser considerada como critica.

 

A vulnerabilidade, segundo a descoberta da Google, permite que utilizadores mal-intencionados consigam evitar isolamentos de segurança do sistema. Enquanto que a Adobe já lançou a atualização para o Flash, a Microsoft não tomou qualquer medida.

 

De acordo com a política da Google, quando uma vulnerabilidade é descoberta, as entidades responsáveis pelo software são informadas e possuem 10 dias para resolver a mesma, antes desta ser divulgada publicamente. Depois de a Microsoft ter sido alertada, não foram resolvidos os problemas dentro do período esperado, motivo pelo qual as mesmas chegam agora ao conhecimento público.

A vulnerabilidade torna-se ainda mais grave devido a existir a possibilidade de já se encontrar a ser explorada ativamente. Ou seja, certos tipos de ataques e utilizadores maliciosos podem já encontrar-se a utilizar esta falha para afetar sistemas.

 

Em resposta, a Microsoft já deixou um comentário acerca desta revelação. De acordo com a mesma, a prática de divulgação da falha prejudica os consumidores, deixando-os abertos a possíveis ataques.

No entanto, respeitante à vulnerabilidade em si, a Microsoft revela que a indicação da mesma como “crítica” não é correta, uma vez que a falha deixou de ser aplicada com a atualização do Flash, por parte da Adobe. Além disso, a empresa sublinha também que não existem indícios da falha ser possível de ser explorada nas versões mais recentes do Windows 10 – nomeadamente na atualização de aniversário.

 

Fonte Google







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech