1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.



O novo sistema de arrefecimento Airflow Cooling altera a forma de circulação de ar dentro do chassi do portátil.

A crescente padronização dos componentes dos computadores leva muitas vezes os utilizadores a pensar que por dentro dos chassis não há diferenças, e que basta escolher os processadores certos, as placas gráficas, capacidade de memória e disco à medida, a que se adicionam as dimensões e estética preferidas.

Mas a realidade é bem diferente. Há um contributo significativo que pode ser dado pela engenharia e inovação, seja pela forma como os componentes são colocados, ou pela utilização de materiais mais eficientes.

A Toshiba tem vindo a dar provas disso mesmo e a nova série de portáteis R800 é um dos bons exemplos de como a inovação pode contribuir para criar equipamentos mais leves, resistentes e sem comprometer a performance das máquinas.

Tal como o TeK já tinha escrito aquando da apresentação dos novos portáteis em Barcelona, o R800 integra uma série de mudanças na motherboard e circulação de ar que fazem a diferença no desempenho e na resistência do portátil

Em parceria com a Intel, a Toshiba criou uma motherboard mais eficiente, que consiste em 8 camadas em vez das 4 ou 6 normalmente usadas, mudou a localização do processador, que deixa de estar no centro da motherboard, e introduziu um dissipador de calor em cobre, em vz do tradicional alumínio.

O R800 é o primeiro modelo da Toshiba onde é aplicada uma nova tecnologia de refrigeração do processador, o Airflow Cooling, o que permite a utilização de chips com melhor desempenho sem o aumento de calor associado e reduzindo o ruído das ventoinhas.

O sistema de refrigeração faz com que seja aspirado ar frio para dentro do chassi, em vez das ventoinhas se limitarem a expelir ar quente, o que é acompanhado pela mudança de localização dos componentes.

A Toshiba apostou ainda em materiais mais resistentes para garantir estabilidade ao portátil e evitar a deformação mesmo com a redução da espessura do portátil. Uma liga de magnésio foi usada no R830, enquanto os modelos R840 e R850 recorrem a uma nova caixa em resina resistente, o que permitiu reduzir a espessura em 40%.

Por dentro este reforço da resistência é também visível com a utilização de uma estrutura em formato de favos de mel, que recorre ao sistema usado nas colmeias para adicionar resistência e flexibilidade sem aumentar o peso total. É sobre esta estrutura que assentam todos os componentes, desde o disco às placas e leitor de DVD.

Estes elementos são conjugados para garantir que mesmo os portáteis de maior dimensão, com ecrãs de 15,6 polegadas, não ultrapassam uma espessura de 27,6 mm. O peso varia entre 1,5 Kg para o modelo de ecrã de 13,3 polegadas e os 2,4 Kg para o de 15 polegadas.

Os novos portáteis R800 vão estar disponíveis nas linhas de consumo, profissional e ultra portáteis já no segundo trimestre deste ano, com preços a partir de 800 euros.

Sapo TEK







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech