1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.


O Twitter encontra-se a tentar recusar a divulgação dos dados de um utilizador que foi detido nas manifestações «Occypy Wall Street» no ano passado, sendo que foram pedidos os dados pelo tribunal encarregue pelo caso.

O principal objectivo do tribunal neste pedido passa por uma tentativa de provar que o utilizador conhecia as ordens das autoridades que não poderia ser cortado o trânsito durante as manifestações.

No entanto, segundo revela a BBC, o Twitter recusa divulgar estes dados, por considerar que os mesmos pertencem ao utilizador e não à empresa. Ben Lee, advogado do serviço de micro-blogues, revela que «os termos de utilização do Twitter são absolutamente claros e indicam que os utilizadores são donos dos seus próprios conteúdos. A nossa resposta ao tribunal reafirma o nosso compromisso firme para defender esses direitos dos nossos utilizadores».
Esta medida está a ser bem recebida por diversas organizações dos direitos civis, como a American Civil Liberties Union (ACLU), que congratulou o serviço no seu blog.

Na mensagem publicada, a ACLU acusa «as agências de lei» de se estarem a «tornar cada vez mais agressivas nas suas tentativas de obter informação sobre o que as pessoas fazem na Internet», sublinhando ainda que «se os cibernautas não podem proteger os seus próprios direitos constitucionais, a única esperança é que as empresas da Internet o façam».







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech