1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

A Panda Security publicou esta semana mais um ficheiro dos seus Cybercrime files. Desta vez o caso recai sobre o trojan Bredolab, cuja rede foi desmantelada pela Polícia Holandesa e que infectou mais de 30 milhões de computadores em todo o mundo.

Esta rede tinha como objectivo distribuir o Bredolab, um tipo de malware classificado como trojan que recolhia o maior número possível de dados confidenciais dos computadores infectados sem que os utilizadores dessem por isso.

A semelhança de outros trojans, o Bredolab infecta inicialmente um computador quando o utilizador clica num anexo de e-mail que contenha este malware, ou instala-se automaticamente quando o utilizador visita websites infectados. O Bredolab poderia obter informação do computador do utilizador, copiar, modificar ou eliminar ficheiros.

A informação financeira poderia também ser roubada, uma vez que os ciber-criminosos poderiam monitorizar a actividade dos computadores infectados registando as teclas utilizadas pelos utilizadores quando, por exemplo, digitassem as passwords de acesso às suas contas bancárias.

Mais de 30 milhões de computadores foram infectados com o Bredolab e a polícia holandesa de combate ao cyber-crime foi obrigada a desligar da Internet mais de 143 servidores que distribuíam este Trojan e monitorizavam as Botnets, a rede de computadores infectados.

Segundo o Panda Labs, o laboratório de anti-vírus da Panda, mais de 50% do malware recebido este ano foram Trojans. Isto deve-se ao facto dos Trojans serem desenvolvidos para obter elevados ganhos financeiros e oferecerem o maior retorno do investimento aos seus criadores.

Toda a informação sobre este caso está disponível no site Cybercrime Files da Panda Security. Esta plataforma online da Panda foi criada em 2010 para divulgar alguns casos de cybercrime mais mediáticos, pretendendo assim sensibilizar a pessoas para os perigos informáticos.

Este espaço foi inaugurado com o Mariposa, a enorme rede computadores "zombie" controladas remotamente por ciber-criminosos, que infectou mais 13 milhões de computadores em 190 países e 31.901 cidades.

No site Cybercrime Files, que pode ser visitado em http://cybercrime.pandasecurity.com/bredolab/index.php?lang=pt é possível agora conhecer também em pormenor toda a história sobre o caso “Bredolab”, a explicação da definição de trojan e como este tipo de malware pode afectar os computadores dos utilizadores. Mas mais importante, no Cybercrime Files também se pode encontrar muitos conselhos de segurança da Panda Security de modo a proteger os computadores deste tipo de ameaças.

Outros ficheiros de cibercrime disponíveis:

Mariposa (Botnet) - http://cybercrime.pandasecurity.com/mariposa/index.php?lang=pt

Fakebook (Phishing) - http://cybercrime.pandasecurity.com/bredolab/index.php?lang=pt

Fonte: Panda Security







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech