1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

samsung galaxy s10

 

A Samsung revelou oficialmente os seus novos smartphones topo de linha, depois de muitos rumores e previsões, durante o evento Unpacked realizado em São Francisco. Sobre a linha, a empresa revelou três modelos que devem chegar brevemente ao mercado: o Galaxy S10, S10e e o S10+.

Foi ainda revelado um modelo do S10 5G, mas apenas para alguns mercados mais restritos.

 

Cada variante possui as suas características próprias, mas alguns dos componentes são comuns a todas – como é o caso do processador. Todos os modelos contam com o novo Qualcomm Snapdragon 855 ou com o Exynos 9820 – modelo que deve chegar nas versões internacionais do equipamento. Segundo a empresa, o Exynos 9820 é capaz de fornecer até 21% mais de capacidade de processamento, 37% de capacidade na GPU e ainda menos 15% de consumo energético face à geração anterior.

 

 

Todos os modelos contam ainda com certificação IP68 contra água e poeira, suporte a carregamento rápido sem fios e ligações 4G até 2Gbps, além de serem compatíveis com redes WiFi 802.11ax, o que garante velocidades de transmissão até 20% superiores às normas anteriores.

 

> Novo design

 

design galaxy s10

 

Todos os modelos contam com vidros de proteção Gorilla Glass, algo que é tradicional da marca, mas apenas as variantes S10 e S10+ contam com o Gorilla Glass 5, a mais recente tecnologia da Corning e que conta com a tradicional borda encurvada.

O modelo S10e será o único que conta com um ecrã de estilo plano, similares a outros modelos em mercado. Estes estão ainda disponíveis nas cores branco, preto, azul e verde, exceto os modelos S10e e S10+ que contam ainda com cores exclusivas - amarelo no compacto e branco ou preto em cerâmica no modelo grande.

 

cores s10

 

Outro destaque encontra-se sobre a tecnologia Infinity Display-O, que a empresa afirma reduzir ainda mais as bordas do equipamento e fornece um ecrã com proporções 19:9, deixando ainda o buraco na parte superior do ecrã para a câmara e sensores frontais – sem necessidade de notch ou outros sistemas mais complexos.

 

Por fim, todos os modelos contam com a tecnologia AMOLED Dinâmico, algo que também foi destacado pela empresa durante o evento e que promete revolucionar a linha.

 

> AMOLED Dinâmico

 

O AMOLED Dinâmico poderá ser considerada uma evolução do Super AMOLED, também implementado pela Samsung em alguns dos seus modelos de topo anteriores. Esta nova tecnologia permite a compatibilidade com o padrão HDR 10+, o que permite fornecer cores mais vivas e realistas, além de uma maior profundidade nos diferentes tons e em diferentes cenários.

 

ecrã s10 samsung

 

No entanto, para aproveitar toda esta tecnologia é necessário que os conteúdos visualizados também suportem a mesma, e por enquanto o HDR 10+ encontra-se limitado em nível de serviços de streaming e similares. No entanto, as câmaras do S10 são capazes de registar vídeos e fotos que sejam compatíveis com HDR 10+.

 

Outro destaque nesta tecnologia de ecrã encontra-se sobre os 800 nits de luminosidade, que representa cerca de 14% mais do que o encontrado no modelo S9 – com a capacidade de serem atingidos picos de 1.200 nits. A tecnologia da Samsung reduz e aumenta dinamicamente a luminosidade do ecrã com base na hora do dia, com vista a evitar efeitos negativos na saúde dos utilizadores e para períodos noturnos.

 

> Mudanças no Software

 

samsung one ui

 

Todos os modelos irão contar de fábrica com a mais recente versão do Android: o Android 9.0 Pie. No entanto, o destaque encontra-se sobre a nova interface One UI, que passa a fazer parte integrante do sistema e que mantém os traços similares ao que foi revelado para o S9.

 

Entre os destaques da One UI encontra-se as melhorias feitas para que o dispositivo possa ser utilizado apenas com uma mão, mesmo em ecrãs de maiores dimensões como o do S10+. Isto é possível face às mudanças feitas pela empresa, onde os itens interativos são colocados na parte inferior do ecrã, enquanto os que sejam apenas para visualização – como mensagens e notificações – surge na parte superior onde a mão não chega.

 

Outro destaque encontra-se nas melhorias feitas ao Bixby, com a introdução das novas “Rotinas”. Este novo sistema permite utilizar a Inteligência Artificial para criar uma série de ações automáticas, que permitirão adaptar o equipamento com base no uso de cada utilizador. Por exemplo, se o utilizador reduz regularmente o brilho do ecrã sobre uma determinada aplicação, o Bixby poderá aprender esta rotina e aplicar a configuração automaticamente.

 

samsung

 

Por fim, para os jogadores mais exigentes, a empresa garante melhorias no desempenho sobre a Unity Engine, além de compatibilidade com a tecnologia Dolby Atmos sobre os títulos que sejam compatíveis com a mesma.

 

> Câmara e fotos profissionais

 

Não apenas as câmaras e sensores foram melhorados, mas sim a própria aplicação do sistema. A nova app da câmara no S10 conta com um conjunto de novas funcionalidades, que irão ajudar a capturar os momentos perfeitos e a editar os conteúdos ainda mais facilmente.

 

O Foco Dinâmico, funcionalidade que aplica o desfoque do fundo em selfies, conta agora com uma nova funcionalidade de alteração das cores, que permite colocar o fundo a preto e branco, dando assim destaque apenas ao rosto dos utilizadores ou a um objeto capturado na imagem.

 

O novo Guia de Composição também ajuda o utilizador na hora de capturar uma imagem, fornecendo dicas sobre como posicionar o equipamento para realizar a captura de um objeto o mais eficazmente possível, e onde se possa obter a melhor qualidade final.

 

O sistema de cenas da câmara também foi melhorado, contando agora com um sistema automático de deteção para 30 cenas diferentes, e que melhoram consideravelmente a captura de imagens com base nos conteúdos.

 

> PowerShare e otimizações de energia

 

Apesar de cada modelo possuir uma bateria de capacidade diferente, todos os modelos contam com várias funcionalidades inteligentes para poupança de bateria e gestão do consumo energético. O novo sistema avalia a forma como o utilizador interage com o equipamento, alterando as configurações dinamicamente com base nisso – conforme seja necessário mais poder de processamento ou redução do consumo energético.

 

s10 powershare

 

Outra novidade apresentada pela empresa encontra-se no sistema Wireless PowerShare, que permite transformar a parte traseira do dispositivo num sistema de carregamento sem fios, partilhando assim a carga da bateria com outros equipamentos compatíveis. Este sistema suporte o carregamento sem fios sobre o padrão Qi, possibilitando assim a carga de smartwatches, headphones e até mesmo de outros smartphones.

 

> Impressões digitais diretamente no ecrã

 

A leitura da íris era uma funcionalidade que se encontrava nos topo de linha da empresa desde o S8, mas que é agora removida face às limitações dos sensores aplicados na parte frontal do mesmo. Ainda existe um sistema de reconhecimento facial, mas que não fornece a mesma segurança que os modelos anteriores.

 

samsung leitor ecrã

 

Invés disso, a empresa pretende agora apostar na leitura de impressões digitais, tendo implementado um novo leitor no ecrã. O sensor ultrassônico da empresa garante uma leitura da impressão digital mais fiável e com maior rapidez, sendo que este encontra-se disponível sobre os modelos S10 e S10+. No modelo S10e encontra-se ainda um leitor no botão lateral da energia.

 

Ao contrário dos sensores óticos, como os que se encontra no OnePlus 6T, o novo sensor ultrassônico da Samsung utiliza o som para criar uma imagem 3D dos padrões nos dedos. Isto garante uma segurança consideravelmente superior face aos leitores óticos, que utilizam apenas luz para a tarefa e não criam o relevo 3D dos mesmos.

Com isto, a empresa garante que o sistema não pode ser enganado mesmo que sejam utilizados moldes das impressões digitais criadas por terceiros – apenas o dedo do utilizador verdadeiro irá funcionar.

 

> Galaxy S10e, modelo barato e pensado para o essencial

 

O Galaxy S10e será a versão mais simples da linha, destinada ao público que não pretenda investir num modelo mais caro da Samsung. Este conta com um ecrã Full HD+ de 5.8 polegadas, sem as bordas laterais curvas, mas que possui o mesmo tamanho do que se encontra no Galaxy S9.

 

galaxy linha s10

 

Além de utilizar o Snapdragon 855 ou Exynos 9820, este modelo conta ainda com duas variantes: uma com 6GB de RAM e 128GB de armazenamento interno, ou uma de 8GB de RAM e 256GB de armazenamento interno. Ambos os modelos contam com suporte a cartões microSD até 512GB. A bateria possui uma capacidade total de 3100 mAh.

 

A nível do sistema de câmaras, o S10e conta com o número mais reduzido de sensores – mas que a empresa garante fornecer uma qualidade similar ao que se encontra no Galaxy S9+. Para selfies encontra-se um sensor de 10MP com abertura f/1.9 e sistema de foco dual-pixel. Na parte traseira encontra-se duas câmaras, uma de 12MP com abertura variável entre f/1.5 e f/2.4 e estabilização ótica e outra ultra wide de 16 MP com abertura fixa de f/2.2 e 123° de visualização.

 

> Galaxy S10, o modelo intermédio

 

Apesar de, em nível de dimensões, o S10 contar com um tamanho aproximado ao do anterior S9, o seu ecrã é consideravelmente superior tendo em conta a utilização da nova tecnologia Infinity Display-O.

Este modelo conta com um ecrã de resolução Quad HD+ e com 6.1 polegadas, sendo que a resolução pode ser reduzida para Full HD ou HD+ para poupança de bateria. Em nível de memória RAM, este modelo possui 8GB e 128/512GB de armazenamento interno, que pode ser expandido por microSD até 512GB. A bateria conta com uma capacidade total de 3400 mAh.

 

galaxy s10

 

Sobre as câmaras, o modelo possui o mesmo sensor frontal que se encontra no S10e e os mesmo dois sensores traseiros, embora seja ainda adicionado um novo com 16 MP e que fornece uma lente telephoto com abertura de f/2.4, zoom ótico de 2x e estabilização ótica.

Este modelo conta ainda com um sistema integrado para estabilização de vídeos, que permite gravar conteúdos de forma mais estável e eficaz.

 

> Galaxy S10+, o premium para utilizadores exigentes

 

Entre todos os modelos, o Galaxy S10+ será certamente a opção para os utilizadores mais exigentes e que necessitem de um modelo premium. Este conta com um ecrã de 6.4 polegadas e resolução Quad HD+, estando disponível em opções de 8 GB de RAM e 128 ou 512 GB de armazenamento interno, ou na sua variante mais avançada com 12 GB de RAM e 1 TB de armazenamento interno. Todos suportam ainda o microSD até 512GB.

 

s10 plus samsung

 

Este é o único modelo da linha que conta com a tecnologia de arrefecimento da câmara a vapor, que permite manter a temperatura do dispositivo sobre controlo mesmo em utilizações mais intensivas.

A nível das câmaras, além dos três sensores que se encontram no S10, este modelo conta ainda com mais um de 8 MP com abertura de f/2.2, utilizado para o efeito de desfoque e para zoom dinâmico. A bateria possui uma capacidade de 4100 mAh.

 

> Galaxy S10 5G, a pesar no futuro

 

Além dos modelos tradicionais, a empresa também revelou uma versão do S10 a pensar nas ligações 5G do futuro, além de contar ainda com características superiores face aos modelos prévios. Este conta com um ecrã de 6.7 polegadas e bateria de 4500 mAh, mas junta ainda um sistema de câmaras de profundidade 3D.

 

No entanto, poucas informações foram fornecidas sobre este modelo. Tendo em conta que se trata de uma versão adaptada para redes 5G, e estas ainda não fazem parte de um extenso mercado, a empresa parece optar por revelar o modelo mas deixar mais informações para quando as redes estiverem mais implementadas.

 

> Preços e disponibilidade

 

Exceto  para o Galaxy S10 5G, todas as variantes já possuem uma data prevista para lançamento e preços finais de venda. Segundo a empresa, os utilizadores interessados poderão adquirir o S10e, S10 ou S10+ em pré-reserva a partir de 21 de fevereiro, com as vendas globais a começarem no dia 8 de Março.

 

Para o mercado dos EUA, o modelo S10 será disponibilizado por 900 dólares, o S10e por 750 dólares e o modelo S10+ a partir de 1000 dólares. De sublinhar ainda que os preços poderão variar dentro de cada modelo com base nas opções de RAM e armazenamento.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech