1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

huawei logo

 

Apesar de o governo dos EUA ter libertado a Huawei de algumas restrições, a medida não parece ter deixado a empresa totalmente aberta a novos negócios no pais. Pelo menos, de acordo com Liang Hua, diretor da Huawei, o levantamento de alguns bloqueios por parte do governo dos EUA não irá alterar a posição da empresa no mercado norte-americano face ao que estava anteriormente.

 

A Huawei ainda continua na “lista de entidades” dos EUA, e portanto, impedida de realizar negócios com entidades no continente. A única exceção encontra-se no facto de que é possível aos parceiros da empresa pedirem um regime de exceção, o que pode abrir as portas a que sejam feitas negociações para manter os negócios ativos no pais.

 

No entanto, isso não indica que a Huawei ainda esteja livre de problemas – esta continua a estar impedida de realizar negócios com entidades que não estejam na lista de permissão para esse fim.

 

Liang afirma que, apesar de ser possível realizar negócios com algumas das entidades autoridades, ainda assim o bloqueio aplicado é considerado como “abusivo e desleal” por parte do governo dos EUA, e pretende atacar diretamente os negócios da empresa no continente norte-americano.

O presidente da Huawei continua a referir que pretende que a sua empresa seja totalmente removida da lista de bloqueio dos EUA, de forma a que seja possível realizar novamente negócios na normalidade.

 

Enquanto isso, a empresa está também a preparar-se para alguns números negativos no que respeita a este novo ano. Derivado do bloqueio do governo dos EUA, espera-se que a Huawei tenha uma queda nas receitas em geral e no número de equipamentos vendidos, sendo que esta queda pode vir a ser sentida ainda mais nos próximos meses.

 

Seja como for, a empresa ainda pode respirar de algum alivio em poder realizar negócios com empresas das quais seja dada permissão para tal, invés de ser aplicado um bloqueio geral e forçado, sem exceções. Isto indica que, apesar de o bloqueio, a Huawei ainda poderá manter o seu negocio com nomes como a Google e Intel.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech