1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Epic Games logo

 

A Epic Games voltou a atacar a Apple nas suas mais recentes declarações sobre o caso que se encontra sobre as duas empresas.

 

No documento de resposta deixado pela Epic Games contra a Apple, esta refere que a empresa não possui qualquer direito a ficar com os frutos do trabalho que a Epic se aplica para fazer – referindo-se à taxa que é cobrada pelos pagamentos in-app feitos sobre o jogo Fortnite para iOS.

 

Para quem não se recorde, a Epic Games e a Apple encontram-se numa dura batalha judicial desde Agosto, altura em que a Epic introduziu no jogo Fortnite para iOS uma forma dos utilizadores contornarem os pagamentos in-app da Apple, e desta forma a Epic não teria os lucros reduzidos em 30% sobre cada pagamento feito – a taxa aplicada pela Apple em todas as apps da App Store.

 

Em reposta, a Apple removeu Fortnite da App Store, o que levou a Epic a avançar com o caso para tribunal contra a Apple – e a Google também, embora seja contra a Apple que o foco da empresa parece estar centrado, uma vez que será o sistema onde não existe possibilidade de ter a app de outra forma, ao contrário do que acontece com o Android.

 

No início deste mês, a Epic conseguiu evitar que a Apple retaliasse contra o Unreal Engine, o que poderia afetar não apenas a Epic, mas também vários outros programadores que possuem este motor de base para as suas criações. No entanto, o caso ainda se mantêm sobre Fortnite.

 

Por um lado, a Epic Games afirma que a taxa aplicada pela Apple sobre os pagamentos in-app, bem como o facto que os programadores são forçados a usar o sistema de pagamentos da empresa, constitui uma prática de monopólio do mercado. Por outro, a Apple alega que a Epic violou os termos da loja de aplicações ao permitir um sistema de pagamento externo, e que resultou na quebra do contrato entre as duas partes.

 

Na resposta agora fornecida pela Epic ao tribunal responsável pelo caso, a empresa alega que a Apple não pode dizer que a Epic “roubou” a empresa ao aplicar um sistema de pagamento alternativo, quando nada foi retirado que pertencesse à Apple – os pagamentos feitos foram realizados sobre a criação da Epic Games, não da Apple.

 

A empresa sublinha ainda que, ao contrário do que a Apple refere, o valor das taxas de 30% sobre todos os pagamentos feitos encontra-se a retirar o sustendo da Epic, que será a entidade que realmente produziu o conteúdo final – e não a Apple, que apenas distribui o conteúdo na sua plataforma fechada da App Store.

 

A Apple ainda não respondeu a estas acusações, mas certamente será algo que ainda deverá ser feito nos próximos dias, tendo em conta a guerra acesa entre as duas partes.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech