1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Windows 11

 

Falta poucos dias para a Microsoft revelar oficialmente o novo Windows 11, com todas as suas novidades. O sistema já tinha vindo a ser desenvolvido sobre o programa Insider, dando uma primeira vista para os utilizadores do que esperar.

 

No entanto, juntamente com as novidades boas, existem também algumas novidades menos boas. Uma delas será, sem dúvida, os novos requisitos a nível do hardware para o sistema, onde se inclui a necessidade de módulos TPM 2.0 e uma lista de processadores relativamente recentes.

 

Outra agora descoberta encontra-se sobre o que é conhecido como VBS — Virtualization-based Security ou “Segurança Baseada em Virtualização”. Este novo sistema do Windows 11 foca-se em criar um ambiente seguro para os utilizadores na virtualização de componentes chave do sistema, sobretudo para programas essenciais e de ligação ao hardware.

 

No entanto, recentes estudos apontam agora que esta nova funcionalidade, apesar de melhorar a segurança do sistema, também pode afetar drasticamente o desempenho do mesmo, com grande impacto em vários jogos.

 

De acordo com os testes realizados pelas plataformas UL Benchmarks, Computer Base e PC Gamer, o uso do VBS pode reduzir o desempenho geral do sistema em quase 30%, o que certamente vai ser sentido para quem pretenda obter o máximo desempenho – e ainda mais para quem utilize o sistema para jogos.

 

A 3DMark afirma que esta funcionalidade encontra-se ativa por padrão em todas as novas instalações do Windows 11, mas não para quem realize o upgrade de versões anteriores do sistema operativo. Ou seja, para quem instale o Windows 11 de raiz, a funcionalidade vai encontrar-se automaticamente ativada.

 

teste de desempenho

 

O portal PC Gamer revela que o jogo Shadow of the Tomb Raider teve quebras de quase 28% no desempenho geral quando a funcionalidade se encontra ativa, face a uma versão idêntica do Windows mas com a funcionalidade desativada. Existem, no entanto, algumas variações, que podem ser tanto devido ao facto de os testes terem sido feitos em sistemas diferentes ou também em canais diferentes de desenvolvimento no programa Insider - Dev e Beta.

 

Apesar do impacto, é importante referir que o Windows 11 ainda se encontra em desenvolvimento. Como tal, a Microsoft ainda pode estar a adaptar a funcionalidade para tirar o máximo proveito do hardware sem grandes perdas, algo que poderemos ver quando a versão final do sistema estiver disponível para todos – algo previsto para o próximo dia 5 de Outubro.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech