1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Google Play Store regras

 

A Google encontra-se a realizar algumas mudanças sobre a sua loja de aplicações, a Play Store, que vão alterar a forma como alguns conteúdos são distribuídos pela mesma.

 

As novas alterações, focadas para os programadores, pretendem garantir mais privacidade para os utilizadores finais e evitar a recolha de dados dos mesmos através de sistemas de tracking ou publicidade.

Existem ainda alterações relativamente ao formato de aplicações que podem ser publicadas na loja, e a confusão que podem gerar com outras apps disponíveis e com mais popularidade.

 

Para começar, foram clarificados alguns termos relativos a aplicações usadas para distribuir informação falsa sobre os mais variados temas, sobretudo associados com a saúde. As aplicações que partilhem desinformação sobre as vacinas ou pandemia vão ser agora banidas da plataforma.

 

As aplicações ficam também proibidas de usar termos ou imagens que possam ser associadas a outras aplicações mais reconhecidas. Por exemplo, usar o termo “Google Maps Navigator” quando existe a aplicação mais reconhecida do Google Maps. Isto aplica-se tanto ao nome da aplicação quanto ao ícone da mesma.

 

exemplo de apps abusivas

 

Outra alteração encontra-se a nível das publicidades dentro das aplicações, que agora vão ficar mais restritas – e o que será benéfico para os utilizadores finais. As aplicações não podem agora apresentar publicidade em ecrã completo de forma repetida, juntamente com publicidade que não pode ser “saltada” após 15 segundos, e quando a mesma afete a usabilidade das aplicações ou jogos.

Também se encontram proibidas publicidades de ecrã completo que sejam apresentadas durante ações críticas do jogo ou app - por exemplo, durante o jogo ou no final de um nível. Ainda será possível ter publicidade com mais de 15 segundos caso o utilizador concorde com tal e não seja em momentos críticos do uso da aplicação.

 

Foram também feitas alterações para as aplicações de “monitorização” dos utilizadores – como é o caso de aplicações de controlo parental – que agora devem apresentar uma notificação permanente quando estão a ser usadas.

 

Foram ainda feitas alterações nas APIs que podem ser usadas pelos programadores, restringindo algumas que podem ser consideradas abusivas para a privacidade dos utilizadores, ou a forma como estas podem ser usadas.

 

Todas estas alterações vão começar a ser aplicadas a partir dos próximos meses, sendo que a medida mais perto de acontecer será a da publicidade, a 30 de Setembro de 2022. As aplicações que não sigam os novos termos podem ser suspensas até que o problema seja resolvido.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech