1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Twitter em queda

 

Recentemente Elon Musk confirmou que iria deixar o seu cargo de CEO dentro do Twitter, depois de uma votação realizada no seu perfil para os utilizadores da plataforma – e onde ficou decidido que o mesmo deveria abandonar o cargo.

 

Face ao resultado, durante o inicio do dia de hoje, Musk indicou que iria deixar o cargo de CEO, passando a focar-se apenas nas divisões de software e servidores. De longe, Musk ainda continua a ser o dono do Twitter, e a decisão de sair de CEO não deverá alterar em nada os planos para a plataforma nem as decisões, que ainda devem passar pelo mesmo.

 

No entanto, o próprio Musk não parece muito confiante sobre o futuro do Twitter - pelo menos no estado atual. Durante uma recente entrevista realizada num Twitter Spaces, Elon Musk comparou o Twitter a um avião que se encontra em direção ao chão a alta velocidade, com os motores a arder e sem controlos".

 

Estas declarações foram deixadas no Spaces criado pelo programador George Hotz, e parecem indicar que Musk não possui muita confiança que o Twitter consiga dar a volta à sua situação financeira.

Durante a conversa, Musk reconheceu que algumas das medidas podem parecer "drásticas ou estranhas", mas que as mesmas são realizadas porque existe um "exercício de emergência em mãos" que está a ser aplicado, e não por "caprichos pessoais".

 

Musk afirma que, antes de ter entrado para a direção do Twitter, a plataforma estava a antecipar perdas de quase 3 mil milhões de dólares para o próximo ano, e que essa situação deveria ser revertida o quanto antes.

De relembrar que, em 2021, os dados financeiros do Twitter apontaram receitas em torno dos 5 mil milhões de dólares, mas com custos operacionais de quase 5.6 mil milhões de dólares, o que levou a empresa a apresentar prejuízos de quase 221.000 dólares.

 

Musk afirma ainda que os valores foram prejudicados consideravelmente derivado da compra da plataforma por Musk, que elevou novamente os custos da empresa e levou a consideráveis perdas financeiras.

 

Ao mesmo tempo, Elon Musk acredita que o Twitter estaria "enterrado" não fossem as medidas que foram realizadas pelo mesmo – o que inclui os despedimentos da empresa e consecutivas mudanças dentro da plataforma. Face a estas medidas, Musk acredita que o Twitter deve manter um saldo estável para o próximo ano.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech