1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.


O grupo de hackers LulzSecPortugal refere ter atacado diversos sites nacionais, entre eles o site do freport.pt, muito mediático no mandato de José Sócrates.

O grupo terá acedido a mais 5 outros sites: crie.min-edu.pt (já reposto), psdlisboa.net, jsd.pt/index.php (não disponível) e pgdlisboa.pt (não disponível).
No site do Freeport (entretanto reposto), os hackers apelavam que José Sócrates também deveria ter sido constituído arguido no caso, visto existirem provas suficientes do seu envolvimento. O grupo pretende que seja feita justiça e que o ex-primeiro ministro deva pagar pelos actos que alegadamente realizou.

Os ataques foram reivindicados no Twitter do grupo, em http://twitter.com/#!/LulzSecPortugal
Estes ataques foram realizados, segundo referido nos sites atacados, pelos hackers gr0un, c0ldc0d3r e sl0bw.





Comentário antigo:
Nunca tinha ouvido falar deste grupo de hackers Portugueses. E para ser sincero a acção que tomaram não me faz muito sentido, não é por escreverem no site da freeport que o Sócrates deva ser constituído arguido que isso acontecerá, concordo sim que há indícios suficientes mas se o tribunal decidiu que não havia eles é que sabem. Quero só salientar que nunca fui muito fã do Sócrates, mas quando se envolve o nome de algum conhecido, poderoso ou mediático numa investigação de cariz penal a tendência das pessoas é tomá-las logo como culpadas. Isso está muito errado! Qualquer um de nós pode ser investigado ou mesmo levado a julgamento por algo que nunca fez, é para isso que existem os tribunais, e o nosso povo tem muito a tendência de achar que são sempre culpados à partida, levando mesmo nalguns casos a destruir a reputação de alguém completamente inocente mesmo que a decisão seja abonatória, nalguns casos a consequência do mediatismo de alguns processos acaba mesmo por influenciar a decisão
do tribunal devido à imensa pressão, opiniões e "opinanços" dos media. É mais ou menos assim, vê-se uma notícia de um político ou de uma outra pessoa qualquer conhecida e com algum estatuto na nossa sociedade e as pessoas, bem a sua maioria após ler ou ver a notícia imediatamente fazem o seu juízo de valor e o condena, esquecendo-se que exactamente por causa do seu mediatismo, poder ou influência seja em que área for tem muito mais inimigos e está sujeito a falsas denúncias ou mesmo "ciladas" do que a maioria de nós cidadãos comuns! Volto a frisar que não sou nem nunca fui muito adepto do José Sócrates, nem estou aqui com isto a tentar defendê-lo, mas como uma pessoa que se move diariamente no mundo da Justiça quero apenas alertar para o facto de que se nos queixamos da Justiça temos nós próprios então também que ter bom senso e ser justos, uma pessoa sob investigação não é o mesmo que uma pessoa constituída arguida num processo nem muito menos condenada por decisão transitada em julgado. Quando falamos mal dos tribunais devíamos então ter atitudes diferentes daquilo que criticamos. Mas enfim...




Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech