1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

Google Chrome

 

A Google encontra-se a preparar para grandes mudanças no futuro dos bloqueadores de publicidade do Chrome. Derivado das alterações que estão a ser implementadas no manifesto das extensões, a medida pode vir a afetar gravemente o funcionamento de filtros com os principais sistemas de bloqueio de publicidade no navegador.

 

Os planos da Google passam por alterar a forma como as extensões podem aceder à API do navegador, limitando as extensões a utilizarem filtros com apenas 30.000 regras de bloqueio – valor consideravelmente reduzido face às atuais listas em utilização pelos principais programas de bloqueio de publicidade. Além disso, esta medida nem chega a suportar a capacidade de se utilizar diferentes listas, o que, mais uma vez, limita o uso de adblockers no navegador.

 

O Google Chrome é baseado no motor do Chromium, pelo que as medidas a serem implementadas pela Google no navegador podem também ter impacto em todos os outros navegadores que sejam baseados em Chromium. Nesta lista encontram-se nomes como o Opera, Brave, Vivaldi e até o mais recente Edge da Microsoft.

 

Com isto, existe uma questão que se coloca: irão estes navegadores também ser afetados pelas novas políticas da Google? É isso mesmo que iremos analisar neste artigo, verificando como as alterações podem vir a afetar outros navegadores que também sejam baseados no Chromium.

 

> Brave e Opera

 

navegador brave logo

 

Os navegadores Brave e Opera, apesar de serem baseados no Chromium, implementam as suas próprias soluções de adblock nativas. Por este motivo, as mudanças implementadas pela Google não irão afetar a funcionalidade destes sistemas.

Os criadores destes navegadores poderão sempre controlar a forma como as suas APIs nativas interagem com o navegador, e, consequentemente, a alteração não irá causar qualquer impacto nos mesmos.

 

> Vivaldi

 

vivaldi

 

O Vivaldi não conta com um sistema de bloqueio de publicidade nativo. Por este motivo, a única forma de bloquear a publicidade no navegador parte pela utilização de uma extensão para o efeito, que consequentemente irá ser afetada pelas novas regras da Google.

 

No entanto, os criadores do Vivaldi afirmam que qualquer restrição que possa vir a ser aplicada pela Google no Chromium, os mesmos podem também remover para permitir o funcionamento normal das extensões. Ou seja, a entidade responsável pelo navegador possui planos de utilizar a antiga API para manter a funcionalidade das extensões de adblocking no navegador, mesmo que a Google implemente as novas alterações no manifesto.

 

Porém, é importante ter em conta que a medida irá afetar todas as extensões na Chrome Store, que não estão disponíveis apenas para o Vivaldi. Por este motivo, as extensões ainda poderão ser afetadas caso, por exemplo, os programadores optem por remover as mesmas da loja da Google ou se a Google começar a exigir a utilização do novo manifesto em todas as extensões da loja.

 

> Edge (baseado em Chromium)

 

edge dev baseado em chromium

 

O novo navegador Edge da Microsoft baseado no Chromium irá também ser afetado pelas mudanças da Google. Apesar disso, a Microsoft possui a sua própria loja de extensões para o Edge, embora ainda não tenha revelado se as mudanças do manifesto de extensões também se irão aplicar nesta sua loja própria.

 

Em todo o caso, existe sempre a possibilidade de a Microsoft manter a sua loja de extensões sobre o manifesto antigo.

 

> Conclusão

 

No geral, as alterações que a Google pretende implementar vão ter impacto na funcionalidade dos navegadores de terceiros que sejam baseados no Chromium. Porém, a forma como este impacto irá ser sentido pode variar – dependendo das entidades responsáveis pelos navegadores garantirem ou não a continuidade do manifesto de extensões antigo.

 

É também importante sublinhar que, apesar de a Google ter revelado os planos para a alteração, este ainda não se encontra efetivo – portanto ainda pode sofrer mudanças antes de chegar na sua fase final para o público.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech