1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Huawei logo

 

A Huawei tem vindo a enfrentar alguns problemas sobre o mercado dos EUA, que certamente terão impacto para a empresa a nível mundial. Mas caso as previsões se mantenham, existe uma forte possibilidade de a marca vir a prosperar ainda mais sobre um mercado: a China.

 

Pelo menos estas são as previsões do analista de mercados Ming-Chi Kuo, que afirma vir-se a verificar um aumento na quota de mercado para a Huawei sobre a China ao longo deste ano, podendo atingir os 35 a 40%. Para 2020 espera-se que este valor seja ainda superior, com uma quota a atingir os 45 a 50%.

 

Ou seja, para meados de 2020, a Huawei pode ter praticamente controlo sobre metade do mercado da China, a nível de smartphones, e as lutas que se encontram a ser travadas com o governo dos EUA podem estar a ajudar nisso mesmo.

 

Na pesquisa de Kuo, o analista aponta que a Huawei pode terminar este ano com mais de 230 milhões de encomendas realizadas, o que se encontra abaixo dos 260 milhões previstos oficialmente pela fabricante. Este número deve, no entanto, manter-se para 2020.

 

Seja como for, o lançamento do novo smartphone Mate 30 Pro será certamente um grande teste para a empresa a nível dos mercados internacionais. Apesar de os consumidores chineses estarem habituados a não utilizar serviços da Google, este será o primeiro smartphone onde se espera não ser incluído os serviços da Google no Android, derivado do bloqueio da empresa com negociações a entidades nos EUA.

Resta agora saber como os consumidores irão reagir a esta situação.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech