1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

MWC 2020

 

O futuro do evento MWC para este ano não é muito promissor, depois de várias empresas terem cancelado as suas participações no mesmo derivado do surto do Coronavírus. Nomes como a Amazon, Facebook, Intel, Nvidia entre outras grandes empresas já cancelaram os seus eventos.

 

Face a todos estes cancelamentos, existe uma forte possibilidade que o evento de tecnologia não se venha a realizar este ano. Apesar de ainda não existir nenhuma confirmação oficial, a entidade responsável pela organização do evento vai reunir-se de emergência no próximo dia 14 de Fevereiro, onde se espera que venha a decidir se o mesmo vai ou não realizar-se.

A GSMA, organização responsável por organizar o evento, confirmou recentemente que a decisão será tomada no dia 14, apesar de também ter sido sublinhado que estão a ser aplicadas todas as medidas para evitar o contagio do vírus dentro do evento – que costuma atrair várias pessoas e investidores da China, incluído empresas deste mercado.

 

Apesar de nada ainda estar decidido, algumas fontes internas da GSMA afirmam que existe uma forte possibilidade de o evento não se vir a realizar este ano. Em entrevista ao portal Wired, um funcionário da GSMA teria confirmado que a organização já decidiu que vai cancelar o MWC 2020 derivado de todo os cancelamentos que foram feitos nos últimos dias.

 

Atualmente já existe a confirmação de cancelamento da presença das empresas Facebook, Amazon, LG, Intel, Ericsson, Vivo, ZTE, Nvidia, Cisco, Sony, HMD, Volvo, Orange, Vodafone, Deutsche Telekom, McAfee, BT e HMD Global.

Esperava-se que o evento deste ano atraísse mais de 100,000 pessoas de 200 países diferentes.

 

No entanto, o impasse da GSMA estará sobretudo relacionado com o dinheiro que o evento movimentou. Caso o mesmo seja cancelado, a organização não será capaz de devolver todos os pagamentos realizados para o mesmo, e pode mesmo incorrer em pesadas multas ou processos adicionais. Por este motivo, a organização encontra-se em contacto com as autoridades regionais para declarar o estado de emergência de saúde publica, o que iria permitir resgatar alguns pagamentos do seguro feito pela empresa.

 

Por outro lado, as autoridades locais afirma que estão preparadas para o evento e que não existe razão para declarar o estado de emergência de saúde publica. Apesar das receitas que o evento traria para a região, terá pouco interesse caso a maioria das grandes empresas que se esperavam para o mesmo não estejam presentes – como o que tem vindo a acontecer.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech