1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

YouTube logo página inicial

 

O YouTube revelou ter removido mais vídeos da sua plataforma do que alguma vez tinha realizado durante o último trimestre. Estes vídeos terão sido removidos, na sua maioria, através do sistema de deteção automática da plataforma antes mesmo de terem qualquer visualização.

 

De acordo com o relatório da empresa, no passado trimestre deste ano, o YouTube removeu mais de 11.4 milhões de vídeos. Entre Abril e Junho foram removidos exatamente 11,401,696 vídeos que estariam a violar os termos da plataforma.

Este valor é um dos mais elevados de sempre registado pela empresa, e pode justificar-se pelo período de pandemia que levou a um aumento no género de conteúdos enganadores e de spam a serem partilhados na plataforma.

 

A maioria destes vídeos foram publicados a partir dos EUA, Índia, Brasil, Indonésia e Rússia. 33.5% dos mesmos foram removidos por apresentarem riscos de segurança para os menores, enquanto que 28.3% diziam respeito a conteúdos enganadores ou spam. Cerca de 14.6% diziam respeito a conteúdos de nudez.

 

A plataforma também sublinha, no entanto, que um vasto conteúdo de vídeos foram também removidos do serviço mesmo que não sejam uma violação direta das regras da plataforma – incluindo conteúdos onde seja demonstrado extremismo ou coloquem menores em risco.

 

No final, a maioria dos conteúdos foram removidos utilizando os sistemas automáticos de deteção da empresa, alguns dos quais identificaram os vídeos mesmo antes destes terem qualquer visualização. O YouTube revela ainda que menos de 3% dos vídeos removidos foram manualmente verificados pelos moderadores da plataforma.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech