1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Facebook sede

 

Vários moderadores do Facebook criaram uma carta aberta contra a empresa a afirmar que a rede social encontra-se a colocar em risco a saúde dos mesmos e dos seus familiares devido a forçar a ir trabalhar durante a pandemia.

 

No documento, os moderadores afirmam que a rede social encontra-se a pedir aos funcionários para irem trabalhar nos escritórios, colocando em risco a sua saúde e a dos seus familiares diretos durante uma das fases mais criticas da pandemia – e ainda mais tendo em conta que os EUA são atualmente um dos casos mais preocupantes da pandemia a nível mundial.

 

Em causa encontra-se o facto que, enquanto os funcionários com notas médias a indicarem a dispensa de trabalho ficam em casa, outros funcionários que possuem familiares em situações de risco não estão dispensados desta tarefa – portanto devem continuar a trabalhar na normalidade sobre os escritórios da empresa.

 

A carta afirma que vários escritórios do Facebook já tiveram casos positivos de covid, colocando todos os funcionários no mesmo em risco – bem como os seus familiares. Os moderadores afirmam ainda que já terão tentado contactar os cargos administrativos do Facebook relativamente a esta situação, mas os mesmos recusaram aplicar qualquer medida – e invés disso delegaram a tarefa para as entidades responsáveis pelo conteúdo de moderação da plataforma, como a Accenture e CPL.

 

Um dos motivos apontados pelo Facebook para forçar os funcionários a irem para os escritórios, invés de se manterem em casa encontra-se no facto que a IA da empresa ainda não é suficientemente eficaz para regular a plataforma sozinha. A empresa refere mesmo que a tecnologia encontra-se ainda a “anos” de ser considerada efetiva.

 

Além disso, o mesmo documento revela ainda que o Facebook falha em fornecer algumas tarefas básicas para os moderadores a nível da saúde, como é o caso de apoio para problemas mentais e outras situações que podem incorrer do trabalho. No final, os moderadores pretendem que o Facebook e as entidades para as quais a rede social trabalha forneçam acesso a melhores condições de trabalho, mais flexibilidade para trabalhar a partir de casa e melhores condições para a saúde.

 

O Facebook já terá reagido a estas acusações, com um porta-voz a indicar que, apesar de a rede social estar disposta a ouvir todos os seus funcionários, algumas das declarações nesta carta não são inteiramente verdadeiras. Atualmente a plataforma possui uma vasta maioria dos seus 15.000 moderadores a trabalhar a partir de casa, juntamente com todos os benefícios de saúde a que possuem direito.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech