1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Google Fonts

 

O Google Fonts é uma pedaço de código usado em milhares de websites pela Internet, que permite adicionar diferentes fontes aos sites num formato simples e rápido. No entanto, uma recente alteração feita ao navegador Chrome pode estar a causar impacto no desempenho dos sites que utilizem estas fontes.

 

Nas versões mais recentes do Chrome, a Google implementou um novo sistema de cache interno, que supostamente deveria ajudar no carregamento de conteúdos estáticos – como ficheiros CSS, javascript, entre outros. O novo sistema de cache foi considerado pela Google mais eficiente e rápido, e como tal foi implementado na versão estável do Chrome 86 – lançada em Outubro.

 

Este novo sistema cria um “sistema de partição” para cada website e por recurso, que além das melhorias no desempenho, tem também benefícios a nível de segurança. Invés de descarregar os mesmos conteúdos várias vezes cada vez que se acede a um website, este sistema coloca os ficheiros em cache para que não tenham de ser novamente descarregados.

 

No entanto, de acordo com o programador Simon Wicki, este novo sistema demonstra-se incompatível com o Google Fonts, que é usado em milhares de websites pela Internet. Os conteúdos que são carregados pelo Google Fonts basicamente ignoram a cache aplicada pelo Chrome – o que leva a um desempenho de carregamento inferior ao esperado.

 

No entanto, a situação piora tendo em conta que estes ficheiros de fontes são descarregados cada vez que os utilizadores acedam a uma página do website, invés de serem colocados em cache como deveriam. Além disso, este novo sistema de cache deve começar também a ser implementado em breve sobre outros navegadores que são baseados no Chromium, como é o caso do Edge, Brave ou Vivaldi.

 

A alternativa para evitar este problema passa agora pelos administradores dos sites criarem os seus próprios repertórios para fontes, armazenando as mesmas no site que os utilizadores estejam a aceder.

 

De notar que o Google Fonts, de acordo com os dados da BuildWith, encontra-se atualmente em mais de 42.7 milhões de websites espalhados pela Internet.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech