1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Processador da Intel

 

Várias fontes russas encontram-se a indicar que a Intel está a permitir novamente o acesso a alguns conteúdos da empresa, nomeadamente software e drivers, apesar das limitações que foram aplicadas no pais como parte da invasão da Ucrânia.

 

A Intel foi uma das primeiras empresas, durante o ano passado, a aplicar sanções contra a Rússia depois da invasão da Ucrânia, tendo colocado em suspenso o envio de novos produtos para o pais juntamente com a suspensão de todas as atividades da empresa no pais.

 

De acordo com o portal Tom's Hardware, a empresa encontra-se no entanto a restabelecer algum acesso para os utilizadores russos, nomeadamente no acesso a drivers e software da empresa, como forma de manter as obrigações contratuais no pais.

A empresa sublinhou que vai continuar com todas as suas atividades suspensas na Rússia, mas desde o final de 2022 que se encontra a permitir novamente o acesso a alguns conteúdos da empresa, nomeadamente a drivers dos seus produtos.

 

A empresa sublinha que este acesso encontra-se a ser restabelecido como parte das obrigações de garantia que a empresa possui no pais e para com os seus clientes até à altura. De notar, no entanto, que apesar de alguns conteúdos da empresa encontrarem-se disponíveis no pais, uma grande parte do acesso ao site da Intel ainda se encontra barrado da Rússia.

A maioria dos acessos permitidos encontram-se focados apenas ao portal de download de drivers da empresa.

 

Outra empresa que também parece encontrar-se a restabelecer algum acesso a utilizadores na Rússia é a Microsoft, onde várias fontes russas apontam que, desde o passado dia 11 de Janeiro, os downloads de atualizações e algumas drivers voltou a ser permitido a partir de IPs russos – anteriormente a empresa tinha bloqueado o acesso a atualizações para sistemas Windows localizados da Rússia.

 

Ao mesmo tempo, existem relatos que mesmo com todas as suspensões de vendas na Rússia, tanto da parte da Intel como também da AMD, processadores das duas empresas ainda podem ser encontrados à venda – em parte devido ao aumento da atividade paralela para o envio de produtos para o pais.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech