1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

Chip em formato nativo

 

Com o objetivo de cativar algumas das maiores empresas no mercado, a TMSC pode reverter a sua decisão de aumentar os preços de produção para os chips a empresas como a AMD e NVIDIA.

 

De acordo com o portal MyDrivers, a TSMC pode vir a reduzir os custos dos chips produzidos em 3 nm, na ideia de cativar mais empresas e parceiros para usarem as tecnologias da entidade. Estes cortes poderiam ser aplicados a praticamente todas as linhas de produção em 3nm, e não apenas às mais recentes tecnologias N3.

 

De relembrar que, no final do ano passado, surgiram indicações que a TSMC estaria a ponderar aumentar os preços dos wafers para os principais fabricantes, passando os mesmos para os 20.000 dólares no processo de 3nm. Isto iria ser um aumento de quase 25% sobre o custo dos wafers de 5nm.

 

Enquanto que a Apple teria aceite os novos preços, outras entidades não seguiram o mesmo caminho, entre as quais se encontra a AMD, NVIDIA, Qualcomm e MediaTek. Face a isto, a empresa pode agora vir a reduzir os custos face ao que estaria inicialmente previsto.

Ao mesmo tempo, a empresa continua a trabalhar na sua tecnologia N3E, que deve fornecer melhorias consideráveis a nível dos custos face à N3, e ao mesmo tempo, quando for lançada, deve também ajudar a reduzir os preços da N3 em geral.

 

A AMD deve ser uma das próximas entidades a usar o processo de fabrico em 3nm na sua linha de processadores Zen 5 – com data de lançamento ainda não revelada.

No entanto, esta redução dos preços pode fazer com que a TSMC tenha de ponderar também os seus planos de expansão para diferentes mercados, uma ideia que a empresa tinha vindo a  apostar nos últimos tempos.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech