1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

O serviço de streaming de música Grooveshark poderá enfrentar dificuldades nos próximos tempos, devido a acções judiciais requeridas por diversas editoras musicais.


O Grooveshark foi criado com o objectivo de partilhar música não licenciada online e, quando fosse atingido um valor estável nos cofres da empresa, seria possível criar acordos de legalidade e partilhar música licenciada de diversas editoras.

O serviço chegou mesmo a assinar um acordo coma editora EMI, em 2009. No entanto, outras editoras, como a Universal, não terão gostado da iniciativa e iniciaram diversos processos contra a empresa.


Agora, as editoras Warner e Sony irão aliar-se à Universal num processo conjunto que ultrapassa os 17 bilhões de dólares. A principal queixa junto das editoras passa pelo facto de diversos funcionários da empresa terem efectuado a partilha de musicas no serviço sem o devido licenciamento, sendo colocada de parte as alegações que o conteúdo partilhado seria da total responsabilidade dos utilizadores.

As informações surgiram publicamente em diversos emails que foram enviados entre funcionários da empresa e onde cada um dos mesmos estaria ciente dos sues actos e que os mesmos seriam ilegais.


De notar que a editora EMI, a única grande editora que apoia o serviço, poderá ser brevemente adquirida pela Universal.




Comentário antigo:
Se a Emi vai ser adquirida pela Universal, é caso para dizer: Game Over!




Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech