1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Apple reparações

 

A Apple tem sido criticada em várias frentes por dificultar a tarefa de reparo dos seus equipamentos por terceiros. Numa luta que ainda se encontra forte nos EUA, a empresa revela agora que os custos de reparação dos seus dispositivos tem sido mais elevados do que aquilo que é cobrado aos utilizadores finais.

 

A Apple tem vindo a passar por uma investigação sobre as suas práticas de forçar os consumidores a repararem os produtos da empresa dentro do seio da mesma, limitando esta tarefa para entidades terceiras. A medida tem vindo a chamar a atenção das autoridades, que atualmente encontra-se a investigar a empresa sobre a possibilidade de monopólio neste setor.

 

Em resposta às autoridades, Kyle Andeer, diretor do departamento jurídico da Apple, afirma que a empresa tem incentivado os consumidores a repararem os produtos nas suas lojas de forma a manter os padrões de qualidade nos seus produtos e nas reparações realizadas. A empresa acredita que as reparações feitas sobre as Apple Store são as mais adequadas para quem pretenda manter a qualidade dos produtos a longo prazo, e que terceiros nem sempre podem garantir isso.

 

Além disso, e mais interessante, Andeer afirma que a Apple tem vindo a cobrar menos aos consumidores do que aquilo que tem vindo a custar os reparos. Segundo este, desde 2009 que os custos de reparação dos produtos da Apple tem vindo a ser mais altos do que o que é cobrado aos consumidores finais – isto apesar de os preços consideravelmente mais elevados que a Apple pratica sobre as suas reparações em comparação com terceiros.

 

iphones partidos

 

Estas afirmações não deixas de ser estranhas, sobretudo quando existem provas que a Apple tem vindo a cobrar valores consideravelmente mais elevados para certas reparações do que é feito exatamente por outras lojas de terceiros.

Por exemplo, substituir o ecrã de um iPhone X pode custar até 279 dólares pela Apple Store, mas é possível de ser feito em lojas de terceiros por pouco mais de 150 dólares.

 

Andeer afirma que as reparações feitas por pessoal não qualificado pela Apple podem acabar por causar danos ou prejuízos a longo prazo. Existe a possibilidade de as reparações virem a causar danos a longo prazo se não forem bem feitas, o que pode acabar por ser danoso para os consumidores – apesar dos custos de reparação mais reduzidos.

 

Estes argumentos não ficaram bem vistos por quem tem vindo a defender que a Apple pratica preços elevados nas reparações e dificulta o acesso aos componentes por entidades terceiras.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech