1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Facebook sede

 

O Facebook tem vindo a ser bastante criticado pela sua politica respeitante aos anúncios de campanhas políticas. Na base, as regras atuais da plataforma permitem que os candidatos presidenciais possam publicar as suas campanhas no sistema de publicidade do Facebook, sem que as informações indicadas nos anúncios sejam validadas como verdadeiras ou não.

Enquanto que algumas plataformas sociais estão a banir por completo publicidade relacionada com campanhas políticas, no aproximar das eleições presidenciais de 2020, o Facebook pretende manter a sua politica, dando invés disso mais controlo aos utilizadores para escolherem o que pretendem ou não verificar na plataforma.

 

Em comunicado, a rede social afirma que se mantêm fiel à sua politica sobre campanhas publicitárias de políticos, ao afirmar que a validação dos dados indicados nessas campanhas não deve ser dado a entidades privadas. Invés disso, a plataforma prefere permitir que essas campanhas forneçam informação potencialmente errada aos utilizadores, mas irá também fornecer ferramentas para que esses mesmos utilizadores também possam controlar o que vêm pela rede social.

 

As novas ferramentas que irão encontrar-se disponíveis na rede social irão permitir limitar a interação dos utilizadores com publicidade de caráter politico ou de campanha – sendo que cada um poderá configurar para excluir este género de publicidade da sua timeline ou não.

Estas novas funcionalidades irão surgir brevemente nas opções de publicidade direcionada da rede social, sendo que irá também permitir o bloqueio da apresentação de publicidade direcionada – mas mantendo a apresentação das campanhas e publicidades políticas na plataforma.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech