1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

OnePlus e hasselblad

 

Uma das grandes novidades que se espera para o lançamento do OnePlus 9 encontra-se na inclusão de lentes da Hasselblad. Este nome é bem reconhecido no mercado das lentes para câmaras, tendo sido a responsável pelas lentes que se encontravam nas câmaras da Missão Espacial dos EUA à lua.

 

Apesar de a OnePlus lançar produtos de qualidade no mercado, um dos principais pontos negativos da mesma encontra-se nos sistemas de câmaras. Os dispositivos da empresa tendem a ter câmaras que, embora tenham qualidade, ficam abaixo do que seria de esperar – sobretudo quando se compara com outros dispositivos similares no mercado.

 

Esta ideia era algo que a própria empresa tinha conhecimento, com vários dos seus executivos a afirmarem no passado que a tecnologia das câmaras presentes nos modelos mais recentes da OnePlus ficava abaixo daquilo que a empresa pretenderia.

 

É exatamente aqui que o nome “Hasselblad” entra para a OnePlus. Mas onde é que exatamente entra? A OnePlus encontra-se a entrar num mercado que vários outros fabricantes têm vindo a aplicar ao longo dos anos: o licenciamento.

 

OnePlus 9

 

Ao longo dos anos temos vindo a verificar vários dispositivos que integram nomes de entidades conhecidas para darem mais destaque às funcionalidades dos mesmos. A nível das câmaras em smartphones, alguns dos exemplos encontram-se na integração da Zeiss com a Nokia, ou a mais reconhecida Leica com as câmaras de dispositivos da Huawei.

 

leica huawei

 

No entanto, o simples facto de incluir um nome de uma entidade reconhecida sobre um determinado produto ou tecnologia, por si só não tornam essa tecnologia imediatamente superior. Tudo dependerá de como cada marca integra esse licenciamento nos produtos finais.

 

No passado tivemos casos de licenciamentos similares que, no final, acabaram por não ter os melhores resultados. Como exemplo, a Blackberry teve uma altura da sua história em que aplicou lentes da reconhecida Schneider-Kreuznach em alguns dos seus dispositivos, mas isso não colocou os mesmos acima de outros rivais no mercado – seja porque a fabricante não apostou no licenciamento apropriado ou porque a tecnologia dos sensores e dos dispositivos eram por si mesmos de fraca qualidade.

 

câmara blackberry priv

 

Um dos casos de maior sucesso, no entanto, pode encontrar-se sobre a parceira feita entre a Huawei e a Leica. Ao longo dos anos, praticamente todos os smartphones da Huawei surgem com câmaras com a designação “Leica”, e a qualidade dos conteúdos finais realmente supera as expectativas na maioria dos casos.

 

Sempre que a Huawei lança um novo dispositivo no mercado, esse acaba quase sempre no topo das tabelas de testes de qualidade sobre as câmaras. Em parte, isso acontece porque a Huawei tirou total proveito do licenciamento com a Leica – e esta empresa não apenas escolhe as lentes das câmaras, mas também tem aconselhamento direto sobre a escolha dos sensores e outros sistemas que compões a câmara dos smartphones. Isto permite aproveitar ao máximo os conhecimentos de uma entidade na área.

 

> Onde fica a OnePlus nesta história?

 

O simples facto de a OnePlus agora integrar lentes da Hasselblad, isso não quererá dizer que a empresa terá smartphones que vão começar a superar todos os seus rivais no mercado. Tudo dependerá de como a empresa vai aplicar essa tecnologia e o licenciamento no final.

 

E isso apenas será possível de confirmar quando os dispositivos estiverem realmente no mercado e quando os testes estiverem a ser realizados aos mesmos. Até lá, a empresa tem vindo a criar uma certa expectativa sobre a inclusão da Hasselblad, e isso poderá ser benéfico ou não para a marca.

O mercado encontra-se com a esperança que esta novidade venha a ser benéfica para a empresa, no entanto isso apenas poderá ser confirmado com os produtos finais no mercado.

 

Se realmente a inclusão da Hasselblad nos smartphones da marca for feita de forma correta, então certamente que os consumidores irão reconhecer isso. No entanto, se tivermos os exemplos dados anteriormente, e caso a integração não seja a correta, isso poderá acabar por prejudicar a mesma.

 

Vertu touch

 

A comprovar isso mesmo encontra-se no facto que a marca “Hasselblad” não é a primeira vez que se encontra associada a um smartphone e aos seus sistemas de câmaras. Como exemplo, o smartphone “premium” Vertu Signature Touch foi um dos primeiros no mercado a chegar com lentes da Hasselblad, mas no final, todos os testes feitos ao dispositivo revelaram um produto com câmaras abaixo da média.

 

Outro exemplo encontra-se no facto que a Hasselblad também foi parte integrante de vários drones da DJI faz alguns anos, e na altura foi também um dos pontos de criticas sobre a qualidade dos conteúdos capturados.

 

Além disso é também importante sublinhar que a parte do software também tem vindo a fazer com que as melhorias sejam sentidas drasticamente. As otimizações e melhorias aplicadas sobre o software das câmaras, em certos casos, pode fazer totalmente a diferença.

 

> No final: tudo depende da OnePlus

 

O uso do nome Hasselblad com a OnePlus certamente que deverá trazer melhorias para o sistema de câmaras dos produtos da marca, mas ao mesmo tempo, se essas melhorias se irão traduzir em algo significativo ou não, tudo dependerá de como a OnePlus aproveite essa capacidade – e tanto pode ir para o lado bom como para o lado mau.

 

Nenhum comentário.

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech