1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

Chip ao contrário

 

O mercado ainda se encontra a passar por uma grave crise, com falta de componentes e semicondutores, que afetam a produção de várias entidades. Embora muitos fabricantes estejam otimistas que as coisas venham a melhorar em breve, existe quem também acredite que a estabilidade pode demorar um pouco de tempo.

 

Para o CEO da Qualcomm, no entanto, a ideia parece clara. Durante uma recente entrevista, Cristiano Amon, CEO da Qualcomm, deixou a sua ideia sobre a atual crise dos semicondutores no mercado.

Segundo o mesmo, este acredita que poderemos vir a ter novidades animadoras em breve, e que 2022 será o ano em que o problema vai ficar resolvido. No entanto, as declarações do executivo vão um pouco contra o que o resto da indústria parece indicar.

 

Pat Gelsinger, CEO da Intel, afirma que as melhorias apenas devem começar a ser verificadas em meados de 2023, e esta ideia é também tida por Simon Segars, CEO da ARM, que também acredita que a situação vai ainda complicar-se mais nos próximos meses, antes de melhorar.

 

Seja como for, sem dúvida que a comunidade em geral espera que a crise venha a estabilizar, sobretudo tendo em conta que estamos a verificar um aumento elevado nos preços dos principais produtos eletrónicos no mercado devido à mesma.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech