1. TugaTech » Software » Noticias de Software

Siga-nos

Windows 7 wallpaper

 

O Windows 7 foi um dos sistemas mais populares da Microsoft dos últimos anos – se o Windows XP foi o salto para a inovação, o Windows 7 foi pela estabilidade. Talvez por isso, mesmo estando fora de suporte da Microsoft, ainda é bastante usado no mercado.

 

Apesar de a Microsoft ter deixado de suportar o mesmo faz mais de dois anos, o Windows 7 ainda se encontra como o terceiro sistema operativo da empresa mais usado no mercado, com uma quota de 10%.

Um dos motivos que, na altura, também o tornaram bastante atrativo terá sido derivado dos requisitos. Ao contrário do Vista, o Windows 7 tinha requisitos consideravelmente mais adaptados para a altura em nível de hardware, necessitando apenas de um processador com 1 GHz single core, 1 GB de RAM (ou 2GB no caso da versão de 64 bits).

 

No entanto, para testar a estabilidade do sistema até em computadores consideravelmente mais lentos, o utilizador do Twitter NTDEV decidiu colocar o mesmo à prova, colocando o Windows 7 sobre uma máquina com um processador Intel Pentium-S, com uns meros 5MHz de velocidade de clock e 128 MB de RAM.

Para se ter uma ideia, este valor corresponde a cerca de 200 vezes menos que os requisitos mínimos oficiais da Microsoft.

 

Windows 7 em sistema bastante reduzido de 5MHz

 

Para atingir este feito, o utilizador criou uma máquina virtual modificada para ter o sistema a correr à velocidade mais baixa possível. Obviamente, esta será apenas uma ideia para teste, porque de longe o Windows encontra-se estável para ser usado no dia a dia a estas velocidades.

 

No entanto, o utilizador tentou minimizar ao máximo os recursos do sistema, removendo vários dos seus componentes, efeitos e até colocando o mesmo a arrancar via o Modo de Segurança. No final, com o processador a 5 MHz, o Windows 7 arrancou e até conseguiu abrir o Bloco de Notas e a janela de apresentação dos detalhes da versão – juntamente com a linha de comandos e o programa WCPUCLK para monitorizar a velocidade de clock.

 

No final, será mais uma experiência para puxar o Windows 7 até aos limites (mínimos), mas sem dúvida interessante de se atingir, e que demonstra o quanto versátil o sistema era até mesmo na sua altura.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech