1. TugaTech » Hardware » Noticias de Hardware

Siga-nos

Huawei e TSMC

 

A Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC), empresa conhecida por fabricar alguns dos processadores que eram utilizados pela Huawei, revelou que irá deixar de aceitar pedidos da empresa chinesa a partir de Setembro de 2020.

 

Esta medida surge no seguimento das novas ordens do governo norte-americano, que impede a empresa de manter a produção de componentes para a Huawei. Mais concretamente, a TSMC vai deixar de fornecer novos produtos e serviços para a HiSilicon, empresa subsidiária da Huawei que é responsável pela produção dos seus chips – com destaque para a linha de processadores Kirin, presente em praticamente todos os smartphones da marca.

 

De relembrar que, segundo as novas legislações nos EUA, qualquer empresa que trabalhe diretamente com a Huawei necessita de obter permissão e uma licença para tal por parte do governo, como medida aplicada depois de a Huawei ter sido considerada um risco para a segurança nacional.

 

A Huawei já tinha confirmado no passado que, face a esta medida, iria começar a processar as suas linhas de fabrico a partir da chinesa SMIC, que sendo sediada na China não aplica as mesmas restrições que a entidade dos EUA.

 

A Huawei não está certamente nos seus melhores tempos, e apesar de os números da empresa ainda continuarem altos a nível de vendas, o bloqueio nos EUA veio causar graves prejuízos para a marca a longo prazo – alguns dos quais ainda estão para se verificar.







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech