1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Pirataria em código fonte

 

As autoridades italianas confirmaram ter desmantelado uma rede de pirataria, a qual usava canais no Telegram para distribuir os seus conteúdos. Desta investigação terão resultado a apreensão de 545 meios de divulgação de conteúdo ilegal por IPTV, juntamente com várias buscas em 8 regiões de Itália, e 8 administradores dos chats do Telegram detidos.

 

De acordo com o portal TorrentFreak, esta não é a primeira vez que as autoridades italianas se focam no Telegram, que nos últimos anos tem vindo a ser uma das principais formas de distribuição de conteúdos pirateados. A plataforma, com as suas promessas de proteção e segurança, garante também uma certa proteção para quem realize atividades deste género.

 

No entanto, as autoridades conseguiram rapidamente identificar oito operadores que estavam a usar a plataforma para distribuir conteúdos ilegalmente. Alguns dos canais agora bloqueados teriam mais de 500 mil participantes, e uma camada de pagamentos integrada diretamente para permitir o acesso a conteúdos “premium” ilegalmente.

Dentro destas comunidades, que interagiam diretamente no Telegram, os utilizadores tinham acesso a filmes, revistas, jornais e outros conteúdos protegidos por direitos de autor. Uma das formas sobre como os administradores dos grupos obtinham dinheiro seria através de esquemas de afiliação, onde os visitantes eram redirecionados para sites de compras e os administradores obtinham lucros das vendas feitas.

 

Os canais foram entretanto desativados pelo Telegram, e as autoridades em Itália devem agora proceder com as respetivas medidas legais contra o suspeitos detidos.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech