1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

iPhone sobre a mesa

 

A China continua a passar por um período complicado relativamente à COVID, sendo que ainda existem medidas rigorosas que estão a ser aplicadas sobre o pais para conter a propagação da pandemia. No entanto, estas medidas afetam também a produção, sendo que parece que a Apple é uma das afetadas.

 

De acordo com os dados mais recentes, desde que a China começou a aplicar a politica de "tolerância zero" contra a COVID, com limitações consideráveis e quarentenas forçadas, as fábricas no pais têm vindo a sofrer as consequências – e também as empresas que dependem das mesmas.

 

De acordo com a Reuters, a Apple é uma das afetadas, onde já se terão registado quedas de 30% nas produções de novos iPhones sobre a região de Zhengzhou, onde se encontram várias linhas de produção da empresa.

 

Esta queda de produção, no entanto, pode vir a agravar-se nas próximas semanas. Isto porque começa a preparar-se a chegada para a época natalícia, e como tal existe a possibilidade da empresa verificar uma maior pressão na produção de novos dispositivos para corresponder à procura.

 

Para compensar as quedas, a Foxconn, uma das principais fabricantes de dispositivos para a Apple, encontra-se a aumentar a produção sobre fábricas em zonas diferentes, que não são diretamente afetadas pelas politicas de COVID na região de Zhengzhou.

 

No entanto, a Foxconn continua a ser uma das principais fabricantes dos dispositivos da empresa, mantendo 70% de todas as unidades produzidas a nível mundial da empresa, sendo que a Apple também corresponde a quase 45% das receitas da Foxconn com esta produção.

Nenhum comentário

Seja o primeiro!





Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechDiscord do TugaTechDiscord do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech