1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.


A empresa britânica Gamma International nega ter vendido spyware ao antigo governo do Egipto, até então liderado por Hosni Mubarak.


Estas acusações surgiram depois de diversos documentos confidenciais terem sido descobertos na residência do antigo governador, durante as manifestações do Egipto.

Segundo a BBC, estes documentos teriam relatado que a empresa britânica tinha vendido uma licença para o software FinFisher, um programa para espionagem e normalmente vendido apenas a organismos e agências de segurança.

Este software permite monitorizar programas de mensagens instantâneas, e-mails ou chamadas de Skype.

Nos documentos é referido ainda que a licença foi adquirida no ano passado, pelo preço de 287 mil euros.


Numa entrevista dada a BBC, a Gamma International nega qualquer envolvimento no caso, relatando ainda que respeitou as restrições às exportações que são impostas pelo governo britânico.




Comentário antigo:
Hum Alguém reparou que nesta notícia está lá outra subentendida? Para a utilização deste software as agências de segurança carecem de autorização de um magistrado? Nunca tinha ouvido falar em tal coisa, pois suponho então que não...Enfim...




Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech