1. TugaTech » Internet e Redes » Noticias da Internet e Mercados

Siga-nos

Realize o Login na sua conta ou Registe-se para participar.

A justiça britânica declarou ilegais os "chips" destinados a habilitar as consolas Nintendo DS a correrem jogos não oficiais.

De acordo com a sentença, é ilegal a importação, venda e publicidade a este tipo de dispositivos, corroborando o mesmo entendimento que tinha já sido manifestado pelos tribunais holandeses, numa decisão emitida no início do mês.

O argumento da defesa, de que os chips podiam ser usados para fins lícitos, como a utilização na consola de videojogos "caseiros" ou desenvolvidos e partilhados por adeptos da consola, não convenceu as autoridades.

A mera possibilidade de o dispositivo ser usado para fins lícitos não serve como defesa, entendeu o juiz britânico.

Na sentença emitida pelo tribunal holandês, no princípio de Julho, as autoridades condenaram onze lojas a destruir todo o stock de dispositivos destinados a permitir o uso de cópias piratas de jogos tanto na DS como na Wii.

Também aqui, as autoridades entenderam ser ilegal tanto a importação como a venda deste tipo de equipamentos, apesar de a defesa ter alegado que esse não era a única finalidade dos mesmos, e que a Nintendo estaria a abusar da sua posição dominante no mercado ao impedir que os utilizadores usassem software de terceiros.

Esta semana, a empresa japonesa anunciou os resultados financeiros do segundo trimestre do ano, reportando um prejuízo de 25,2 mil milhões de ienes (cerca de 221 mil euros).

O valor representa uma forte quebra, face aos 42,4 mil milhões de ienes de lucro (373 mil euros) no período homólogo, mas a empresa espera, ainda assim, acabar este ano com resultados positivos.

De acordo com a fabricante, terá sido a descida do preço da DS nos mercados europeu e japonês o principal factor responsável pelo desempenho negativo das contas da empresa nos três primeiros meses de 2010.
Fonte: TeK







Aplicações do TugaTechAplicações TugaTechBlog TugaTechBlog do TugaTechRSS TugaTechRSS do TugaTechSpeedtest TugaTechSpeedtest TugatechHost TugaTechHost TugaTech